CUIABÁ

PORTÃO DO INFERNO

Motorista diz que empresa sabia que caminhão tinha falha nos freios

Publicado em

CIDADES

Reprodução

O motorista, identificado como, Daniel Francisco Salles, de 65 anos, que sobreviveu a uma queda do Portão do Inferno, em Chapada dos Guimarães (64 km de Cuiabá, revelou ao SBT Comunidade, que a empresa para qual prestava serviço, já tinha conhecimento sobre as falhas no sistema de freios do caminhão.

Francisco teve diversas fraturas pelo corpo, e hoje está fora da UTI.

“Aquela porcaria nunca teve foi freio na vida. Se não tem freio, o cara vai lá e fala, qual que é a obrigação do patrão? É parar e organizar, mas o cara não faz isso”, disse ele.

Ao chegar na curva, no Portão do Inferno, o motorista perdeu o freio do veículo e tentou jogar o caminhão em direção ao paredão, porém, não deu resultados.

O motorista ainda fez um alerta a quem se encontra na mesma situação. “Se você acha que está muito bem empregado, não acredita nisso. A empresa só quer você enquanto você está aguentando mexer pelo menos um dedo”, declarou ele.

Leia Também:  Símbolo cultural, viola de cocho ganha museu em Santo Antônio do Leverger

O CASO

Um motorista, que não teve a identidade revelada, perdeu o controle de um caminhão carregado com água mineral e despencou do Portão do Inferno, na manhã desta quarta-feira (4), em Chapada dos Guimarães (65 km de Cuiabá).

De acordo com informações preliminares o condutor está vivo e lúcido, apenas com um fratura na perna.

O acidente foi registrado por câmeras de segurança por volta das 11h46 desta quarta-feira, onde é possível ver o motorista atingindo o paredão e consequentemente despencando.

O veículo ficou totalmente destruído.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

CIDADES

Banda do Corpo de Bombeiros completa 24 anos com apresentação musical

Publicados

em

Por

ALMT

A Banda Musical do Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso (CBMMT) Completa 24 anos de criação e apresentará um concerto especial, no dia 1º de junho, às 19h30, no Teatro Zulmira Canavarros, em Cuiabá.

Para a entrada para assistir ao espetáculo estarão disponíveis 730 ingressos.  Para a troca, será necessário 2 kg de alimento não perecíveis.

Pontos de troca: Quartel do Comando-Geral; no 1° Batalhão Bombeiro Militar – Cacique; no 2° Batalhão Bombeiro Militar – Guardiões; e na Assembleia Legislativa – ALMT, sala 24. Todos os alimentos arrecadados serão doados para instituições de caridade.

O corpo musical é composto por 28 integrantes, para apresentação do repertório composto por uma seleção de nove canções, parte delas será interpretada pelo cantor, outras instrumentais de música popular brasileira, clássicos e outros.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Levantamento da Sesp aponta que 77% das vítimas de suicídio em MT são homens
Continue lendo

CIDADES

POLÍTICA

MULHER

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA