CUIABÁ

EM JULHO

Pinheiro anuncia Conferência Municipal sobre o modal de transporte VLT x BRT

Publicado em

CIDADES

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, anunciou durante a live na terça-feira (21) a realização da Conferência Municipal sobre o o Modal de Transporte VLTxBRT para o próximo dia 7 de julho, no auditório da Associação Mato-grossense dos Municípios de Mato Grosso  (AMM-MT). O debate é organizado pela Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob) das 8h30  até às 12h. No período vespertino,  o evento ocorrerá de 14h com o término às 18h.

“A Conferência Municipal sobre o Modal VLT x  BRT é uma missão do secretário de Mobilidade, Juares Samaniego, que irá organizar este debate. Será um dia antes da visita da Comissão de Viação e Transportes da Câmara dos Deputados. Quero fazer um debate sério, respeitoso. Vai ser um debate com respeito a posição de cada um. Eu defendo VLT, mas  quem defender  BRT terá o mesmo espaço e tempo para argumentar.  Uma discussão como esta nunca foi feita. E vai ser  do mais humilde, ao empresário bem sucedido. Ninguém conhece o VLT, então iremos mostrar tudo. Como funciona o VLT?  Quantos foi gasto? A tarifa, manutenção, como vai funcionar o sistema? Como  vai ser e quanto será gasto pra concluir essa obra, o traçado que ele faria. E o mesmo será  para o BRT, demonstrar quanto foi pago, quanto mais  será gasto, quantos ônibus comprados, quanto vai custar, e é o Governo do Estado quem vai pagar? Valor do tarifa e outros. Ninguém sabe, e ficam opinando,  batendo boca, mas não conhecem as vantagens e desvantagens  tanto do  BRT, quanto do VLT”, comentou  o gestor da  Capital.
Conforme Pinheiro, o presidente da Assembleia Legislativa, deputado  estadual Eduardo Botelho, já confirmou presença no evento e adiantou sua defesa pelo BRT. “Ele vai falar e vai defender o BRT. Será  recebido com todo respeito do mundo, não vai  ter chilique de ninguém. É um debate técnico para os usuários que dependem de um transporte digno, com toda a garantia de segurança, respeito. muitos já confirmaram presença, e o Botelho é um  deles”, disse.
Conforme o secretário de Semob, Juares Samaniego,  quase 30 entidades, associações e órgãos públicos foram convidados para a discussão. ” Alguns profissionais técnicos já declaram defesa  ao VLT, e também tem aqueles que defenderão o BRT. Queremos esclarecer o que cada um tem de bom e ruim, com dados técnicos e com exemplos”, explicou o representante da Mobilidade Urbana do município de Cuiabá.
Convidados: 

– PODER EXECUTIVO DE CUIABÁ

Leia Também:  Veículo tenta furar bloqueio em manifestação e é apedrejado em MT

-PODER EXECUTIVO DE VÁRZEA GRANDE

-CÂMARA MUNICIPAL DE CUIABÁ

-CÂMARA MUNICIPAL DE VÁRZEA GRANDE

-GOVERNO DO ESTADO

-ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DE MT

-CONSELHO REGIONAL DE ENGENHARIA E AGRONOMIA DE MT (CREA)

-FEDERAÇÃO DO COMÉRCIO DE BENS, SERVIÇOS E TURISMO DO ESTADO DE MATO GROSSO (FECOMÉRCIO)

-FEDERAÇÃO MATO-GROSSENSE DAS ASSOCIAÇÕES DE MORADORES DE BAIRROS (FEMAB)

-ASSOCIAÇÃO DOS MATO-GROSSENSE DOS MUNICÍPIOS (AMM)

-JEAN PEJO – EX-SECRETÁRIO DA SECRETÁRIA NACIONAL DE MOBILIDADE E SERVIÇOS URBANOS (SEMOB) / SECRETÁRIO GERAL DA ASSOCIAÇÃO LATINO-AMERICANA DE FERROVIAS (ALAF)

-JOSÉ PICOLLI NETO – DIRETOR DE IMPLANTAÇÃO E PLANEJAMENTO – VLT RIO DE JANEIRO

-MÁSSIMO GIAVINA – VICE-PRESIDENTE DO SINDICATO INTERESTADUAL DA INDÚSTRIA DE MATERIAIS E EQUIPAMENTOS FERROVIÁRIOS E RODOVIÁRIOS (SIMEFRE) – (ONLINE)

-VICENTE ABATE – PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DA INDÚSTRIA FERROVIÁRIA (ABIFER)

-SILVIA CRISTINA SILVA – PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO DOS ENGENHEIROS E ARQUITETOS DE METRÔ (AEAMESP)

-UBIRATAN ALVES DE FREITAS – GERÊNCIA EXECUTIVA DE GOVERNO (GIGOV) DA CAIXA ECONÔMICA FEDERAL

-RAFAEL DETONI MORAES – SECRETÁRIO ADJUNTO DE GESTÃO E PLANEJAMENTO METROPOLITANO (SINFRA)

Leia Também:  Secretário de Educação nega fechamento de escolas e acusa Sintep e deputado de fake news

-CONSÓRCIO CONSTRUTOR BRT CUIABÁ – VENCEDOR DA LICITAÇÃO DO BRT

-CREA

-CAU

-UFMT

-IFMT

-FIEMT

-SINDUSCON

-CDL

-FECOMÉRCIO

-UCAMB

-FEMAB

-OAB

-UNIVAG

-UNIC

-MPE

-MPF

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

CIDADES

Prefeitura nega ação para retirada de ambulantes do centro e manda apurar o caso

Publicados

em

Após diversos vídeos viralizarem nas redes sociais mostrando vendedores ambulantes tendo suas mercadorias apreendidas nesta quarta-feira (28) na rua 13 de junho, no centro de Cuiabá, por meio de nota, o  secretário de Ordem Pública de Cuiabá, Leovaldo Sales disse que não determinou nenhum operação naquela região e que irá apurar o caso.

“Diante da situação, o secretário determinou uma apuração interna imediata para adotar as medidas administrativas cabíveis aos responsáveis”, diz trecho da nota.

Nas imagens é possível ver um veículo da prefeitura, juntamente com funcionários e policiais militares apreendendo as mercadorias e muitas pessoas que passam pelo local filmando.

Composto majoritariamente por haitianos e venezuelanos, os ambulantes costumam vender produtos diversos no centro da capital, desde meias, óculos de sol, bermudas, bijuterias, acessórios eletrônicos e etc.

Em março deste ano, a mesma Secretaria, também em conjunto com a polícia, realizou uma operação para retirada de vendedores da região central de Cuiabá.

Os vídeos podem ser conferidos aqui

Veja nota

Leia Também:  Cuiabá facilita o acesso à vacinação e benefícios sociais às mulheres trans e travestis

Nota à Imprensa
O secretário de Ordem Pública de Cuiabá, Leovaldo Sales, esclarece que não determinou a realização de nenhuma operação de desobstrução das calçadas na região Central da Capital, nesta quarta-feira (29), que resultou em apreensões de mercadorias de vendedores ambulantes.

Diante da situação, o secretário determinou uma apuração interna imediata para adotar as medidas administrativas cabíveis aos responsáveis.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

CIDADES

POLÍTICA

MULHER

POLÍCIA

MAIS LIDAS DA SEMANA